Cássio, Gil e Fagner
Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians

Já era esperado há alguns jogos e agora, depois da péssima derrota do Corinthians contra o Palmeiras em casa, ficou ainda mais forte a pressão para a demissão de Tiago Nunes. A pressão da torcida e imprensa funcionou e o treinador foi desligado à pouco pelo clube.

Apesar da grande maioria ter ficado feliz, eu fico indiferente. Não acho que o treinador fazia um ótimo trabalho. Mas também não acho que era tão ruim. Agora, o que eu tenho certeza é que a decisão da demissão não foi da diretoria. A diretoria é apenas cúmplice.

Com as informações dos jornalistas ventiladas pelas redes sociais nos últimos dias, ficou claro que uma ‘panela’ de jogadores é que resolveu mandar Tiago Nunes embora. Vale lembrar também que essa mesma panela reclamava, lá no longínquo mês de fevereiro, das exigências do treinador, que buscava comprometimento e seriedade para uma nova filosofia de jogo.

Eu não tenho informações, não tenho fontes, não ouvi alguém dizer. Mas consigo quase que afirmar quem forma essa panela: Cássio, Fagner, Gil e, mais recentemente, Jô.

O trio já vem há tempos fazendo corpo mole ao longo das partidas. Cássio falhou em pelo menos 4 jogos seguidos, assim como Fagner. Já Gil está sempre desatento e ‘solto’ demais nos jogos. Isso não é opinião, são fatos.

Já Jô chegou muito bem em seu retorno ao Timão, mas logo passou a ficar desconcentrado, desinteressado e, até certo ponto, petulante e prepotente. Vale lembrar que o camisa 77 agrediu um jogador jovem do São Paulo e, em um jogo que não consigo me lembrar no momento, não seguia as instruções do treinador que gritava desesperado na beira do gramado.

É triste dizer isso. Mas esses jogadores não podem mais ter espaço em um time tão grande como o Corinthians. Eles ainda têm muita lenha pra queimar, não desaprenderam como jogar bola e são grandes jogadores, mas precisam de um choque de realidade.

Se você que está lendo ainda não concorda com isso, pense um pouco nesses jogadores. Os quatro são grandes ídolos, venceram muitos títulos com o time e chegaram à Seleção Brasileira. Qual outro jogador do elenco atual tem tanta bagagem nas costas? Eles fazem o que querem e levam os outros junto para o buraco.

Leia também no SCCP Online:
+ 10 treinadores que o Corinthians pode trazer caso demita Tiago Nunes.
+ Neto revela que Andrés Sanchez tem acordo para quitar dívidas da Arena.
+ Corinthians divulga valores e tempo de contrato com a Neo Química Arena.

Ficaram mimados e prepotentes a ponto de não aceitarem mais serem cobrados. E a verdade é que mesmo jogadores consagrados precisam de cobrança, exatamente para não se acomodarem. Eles não deveriam considerar uma cobrança do treinador como um desrespeito, mas sim como uma demonstração de confiança em seus serviços e de reconhecimento dos trabalhos já prestados.

Ainda utilizam da inocência e paixão dos torcedores para ainda serem amados e defendidos pela diretoria em nome da torcida.

Todos os grandes jogadores da história já tiveram autos e baixos. E apenas se tornaram gigantes aqueles que tiveram autocrítica. Muitos outros foram esquecidos e tiveram finais deprimentes por serem confiantes e egoístas demais.

Para traçar um paralelo não é necessário ir muito longe, é só lembrar do cruzeiro do ano passado. Tinha nomes como Thiago Neves, Robinho, Edilson, Dedé e Fred, e se perdeu exatamente por isso. Derrubaram Mano Menezes, vencedor de duas copas do Brasil pelo clube apenas por não aceitarem as cobranças. E assim foi com Abel Braga e Rogério Ceni.

Depois da péssima temporada, esses grandes jogadores saíram e ainda processaram o clube, que hoje se encontra ladeira abaixo.

Esse pode ser o fim do Corinthians. E, para que isso não aconteça, esses três, talvez quatro, jogadores precisam sair e libertar o Corinthians desse saudosismo doente, como já foi feito com Jadson e Ralf, guardando as devidas proporções.

Vejamos como as coisas vão se desenrolar, mas creio que nada mudará no desempenho da equipe mesmo com a demissão de Tiago Nunes e seguiremos em um looping infinito até o fundo do poço.

Vale lembrar que nenhum jogador, independentemente de sua história, jamais será maior que a instituição CORINTHIANS.

7 COMENTÁRIOS

  1. Excelente opinião.
    Quanto a mim, nem opinião é.
    Tenho certeza absoluta que Cássio, Fagner, Gil e Jô precisam vazar do nosso Corinthians e saber que os demais jovens jogadores têm muitíssimo mais vontade de alcançar resultados reais para o grandioso Timão, por sinal, eterno campeão dos campeões, do que estes quatro “ex-profissionais” e atuais “políticos com interesses financeiros tão somente”, os quais sobrepujam apenas pontos de vista hipócritas aos demais atletas, influenciando-os negativamente e pensando que são “os donos” do futebol profissional do glorioso Sport Clube Corinthians Paulista.

  2. Viajou na maionese, um time que está carente de ídolos, fazer isso é burrice, e não vejo isso, é ridículo uma reportagem desta, além de deixar os torcedores contra os únicos jogadores de importância para o clube, se mandar estes três embora pode decretar um momento ainda pior. Creio que um time começa por um bom técnico, o Thiago é, porém não se pode chegar e se colocar acima de tudo, tem que se adequar aos poucos e implementar sua filosofia de jogo, não chegar com autoridade, ninguém gosta disto. O Corinthians é time para técnico grande, um cara com patente, ou alguém que construiu uma historia no Corinthians. Vejo muita gente comentar que fizeram sacanagem com o Jadson e Ralph (coisa do Thiago) e agora querem colocar esses jogadores contra a torcida.
    Tome mais cuidado com o que escreve, podemos e devemos criticar e cobrar sim, mas falar que esses jogadores tem que sair, é demais.

  3. Hahahaha falou certo! Não sou jornalista. Sou apenas mais um corinthiano fanático e que gosta de futebol. E se vc não entendeu, isso é uma coluna de opinião. Não é acusação, não é informação, não é notícia. É a minha opinião com base nos jogos. E escreve para q as pessoas possam formar suas opiniões também, seja concordando ou discordando. Mas querer ofender para provar a sua opinião, aí sim é uma atidade baixa. Um abraço, obrigado pela audiência.

  4. Falta de responsabilidade ter um canal como este e falar coisas sem fontes, apenas por “achar”.
    Não acredito que nenhum jogador está isento e não ponho a mão por ninguém, mas o quatro citados, fazendo “corpo mole” colocam Vital, Luan, Araos, Camacho, Michael e muitos outros no bolso. A coisa nao está boa e “achismos” como este, não ajudam em nada. Diretoria ridícula, parece que eles não acompanham futebol, uma contratação mais absurda que a outra. A primeira foi o Luan. JogadorZINHO, sem nenhuma vontade de jogar futebol, estava largado no Grêmio e foi parar aonde? Ele é o primeiro de uma lista infinita. A culpa é dos salários absurdos, jogadores de empresários e muita moleza.

  5. Isso só pode ter sido escrito por um anticorinthiano quw quer o caos . Infelizmente tradicionalmente é assim que alguns quw se dizem corinthianos tratam nossos ídolos . Desde Rivelino , Edilson , e varios outros escurraçados do Pq Sao Jorge . A tese que é dos melhores que trmos que cobrar é absurda . Tem que cobrar de quem traz Ramiro , Michel Macedo , Sidclay , Ederson e tantos outros. Culpar nossas referencias ? Caras com historia dedicacao dentro do Corinthians é absurdamente traição

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui