Após Andrés Sanchez declarar que Corinthians e Odebecht chegaram a um acordo para a quitação da dívida referente à construção da arena do clube, a empreiteira confirmou, por meio de nota oficial, a informação divulgada pelo presidente corintiano.

Em recuperação judicial, a Odebrecht prometeu ao Corinthians que repassará ao clube 100% do desconto que terá neste processo junto aos seus credores. Com isso, o Timão resolve a questão com a construtora, e agora, apenas o financiamento com a Caixa fica pendente.

“A Odebrecht confirma que assinou um memorando de entendimentos com o Sport Club Corinthians Paulista que define os termos para solucionar as dívidas do projeto Arena junto à Odebrecht Participações e Investimentos, empresa controlada pela Odebrecht S.A.

Também foi assinado um termo entre a Odebrecht Engenharia e Construção (OEC) e o Sport Club Corinthians Paulista que resulta em quitação mútua entre as partes para a construção da Arena. Os termos destes acordos são protegidos por cláusula de confidencialidade”, diz a nota oficial.

Na última reunião do Conselho Deliberativo, em agosto desse ano, Andrés Sanchez já havia afirmado que a dívida residual do Corinthians com a Odebrecht ficaria entre R$130 milhões e R$160 milhões, com o repasse de todos os CIDs à empreiteira. Antes do acordo, a empresa afirmava que tinha R$800 milhões a receber do Alvinegro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui