O Gavião do rabo preso!

Nos últimos meses nosso país vem enfrentando grandes problemas relacionados à saúde. Uma pandemia está instaurada no mundo e todos estão sujeitos à ter que enfrentar uma grande batalha pela vida. Além desta doença maldita, ainda temos governantes mal preparados e, algumas vezes, mal intencionados, o que dificulta ainda mais a solução desse problema.

Mas o que isso tem a ver com futebol?

Com as manifestações políticas acontecendo rotineiramente pelas ruas do Brasil, foi possível ver a presença de manifestantes utilizando o nome de times de futebol para ganhar ‘corpo’, mídia e se blindar contra possíveis críticas de torcedores ‘aliados’.

Longe de mim concordar com as atitudes dos governos. E, mais longe ainda, negar os ensinamentos do Doutor Sócrates. Mas a presença do Corinthians nessa história não é necessária e nem saudável.

Vimos os frequentadores desses protestos fazerem questão de dizer que estavam em nome da Democracia Corinthiana. Um deles, inclusive, grande parceiro de um ex-presidente e seus aliados que lideraram uma das maiores organizações de corrupção da história desse país. Eles roubaram o meu, o seu, o NOSSO dinheiro e ainda travestiram ‘migalhas’, dadas para quem mais precisa, de combate à pobreza. E tudo isso para se manter no poder.

Isso é a democracia?

Tenho certeza que Doutor Sócrates não apoiaria essas manifestações. Não pelo tema, mas por quem as fazem e por outros que estão por trás delas. Continuo ressaltando que o tema é IMPORTANTÍSSIMO e sempre deve ser lembrado, mas nunca usado como fachada para mascarar outras falcatruas.

Foto: Reprodução

Na época da Democracia Corinthiana, as pessoas eram privadas de muitas coisas. Aquilo sim era uma ditadura. Hoje em dia é só um presidente babaca e mal preparado que se perde num personagem. E faz m…. Está bem longe de ser uma ditadura.

Você pode não gostar do governo e suas atitudes, mas dizer que são ditatoriais apenas para conseguir renascer das cinzas seus políticos de estimação é, no mínimo, uma baita hipocrisia. E ainda envolve uma instituição como o Corinthians nessa fria, tornando o clube e os outros torcedores quase que cúmplices dessa idiotice.

É claro que alguns torcedores bem intencionados acabam participando destes protestos também. Mas na inocência. Outros até para ficarem bem nas redes sociais. É assim que se pauta nosso mundo hoje.

E agora entra mais ainda o futebol nessa história.

Ultimamente, vemos o Corinthians ser bombardeado com dívidas, processos de cobrança e falcatruas. Vemos muitos revoltados com a situação. Porém, grande parte desses ‘muitos’ são aqueles que, no assunto anterior, eram os inocentes ou ‘fazedores de média da internet’. Ou aqueles que são neutros e só querem ver seu time, do seu esporte favorito, bem.

E aqueles revolucionários que gostam dos protestos? Já que gostam tanto de representar seu time e levar ele para assuntos de caráter, no mínimo, duvidoso, porque não organizam manifestações no clube contra a diretoria? O melhor lugar para usar o nome do seu time de futebol é no meio do futebol e com assuntos de futebol.

Diretoria essa que se apossa de uma instituição centenária para levar vantagens financeiras e políticas. Temos roupeiros, seguranças, massagistas, jardineiros e inúmeros funcionários que acabam tendo dificuldade para receber seu pequeno salário, enquanto a diretoria cria dívidas astronômicas com empresários pilantras.

E não vemos eles serem cobrados por aquela galera. Qual o motivo? Tudo leva a crer que seja rabo preso.

RABO PRESO: significa situação comprometedora. Que deve algo para alguém e por isso tem medo de ser denunciado. – dicionarioinformal.com.br

Grande parte desses torcedores tem rabo preso com a diretoria, assim como tem com seus políticos. Não sou jornalista e não sou capaz de acusar sem provas, mas é impossível não ter essas suspeitas. Procurem na internet e verão muitos indícios.

As principais organizadas que torcem para o Corinthians tem histórico de ajuda mútua, principalmente, com a atual diretoria, na figura do presidente Andrés Sanchez.

Vale lembrar que eu não sou um crítico das organizadas. São importantes para o futebol e também para a sociedade, onde realizam doações, filantropias e projetos sociais. Porém, também sabemos que alguns dos membros gostam de brigas marcadas, corrupção e levar vantagens. Como tudo no mundo temos os bons e os ruins. Infelizmente os ruins acabam manchando a credibilidade das instituições.

É como eu sempre digo, hipocrisia é a pior ‘qualidade’ do ser humano.

Precisamos de torcedores dignos para lutar pelo clube, diretoria digna para trabalhar pelo clube, cidadãos dignos para ajudar nosso país e nossa sociedade e governantes competentes que saibam governar o Brasil.

Por hoje era isso. E não se esqueçam:

Salve(m) o Corinthians. Salve(m) o Brasil.

 

Observação: o texto não reflete necessariamente a opinião dos outros colaboradores do site.

 

 

 

9 COMENTÁRIOS

  1. Concordo em gênero, número e grau.
    Parabéns pela vossa coragem e pelo magnífico texto.
    Creio que este seja o real pensamento da maioria dos verdadeiros Corinthianos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui