Antes da paralisação do Campeonato Paulista por conta do coronavírus, o Santo André estava na liderança do Estadual. Em razão da pandemia, a Federação Paulista de Futebol decidiu interromper o torneio, ainda sem definição de quando e se voltará.

De olho nesta situação, o executivo de futebol do clube, Edgar Montemor, comentou que o clube pedirá o título caso o torneio não tenha continuidade.

– Caso a competição não retorne, a ideia do EC Santo André, é que o título seja dado para o clube, que nós sejamos considerados campeão do estadual. Mesmo porque hoje ele é o líder da competição, mas não conquistou a liderança nessa décima rodada, vem sendo o líder da competição desde quase seu início. Talvez não seja o mais justo, o mais justo seria o término da competição, mas o problema do coronavírus é mais importante. Não podendo continuar o torneio, o mais justo é sermos declarados campeões.

O dirigente também comentou sobre a ideia da equipe em relação aos rebaixados e acessos da segunda divisão para a elite do estadual.

– Não termos rebaixados, os clubes da Série A2, os dois primeiros subirem, os clubes da Série A3 também subirem. Acho que seja o mais correto. O regulamento não prevê o término da competição, não vi nenhum dispositivo regulamentando a eventual paralisação do campeonato e a não retomada. Mas, se formos usar por analogia um dispositivo que regula o término antecipado de uma partida de futebol, ali fica claro que, passado um determinado percentual de tempo de jogo e o jogo não tiver como ser retomado, a equipe que estiver vencendo, ganha a partida. Por analogia, temos uma competição, que, se não voltar, temos uma competição que já passou dos 70%, quase 80% dos jogos, e tem hoje o Santo André como campeão – declarou.

Vale lembrar que atualmente o Ramalhão lidera o Paulista com 19 pontos, mesma pontuação do Palmeiras. Porém, a equipe do ABC leva a melhor no número de vitórias: 6 a 5.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui