De olho no segundo semestre, o Corinthians fechou com mais dois reforços, ambos para a zaga. O uruguaio Bruno Méndez, 19 anos, foi comprado do Montevideo Wanderes, mas está com sua seleção no Sul-Americano sub-20 e ainda precisa passar por exames médicos para ser anunciado. Já Lucão, de 22 anos, chegará após rescindir com o São Paulo.

Com os reforços jovens, o Corinthians já se previne para possíveis saídas no meio da temporada. A expectativa é que cheguem propostas por Léo Santos, 20 anos, e Pedro Henrique, 23 anos. A dupla recebeu sondagens nas últimas janelas de transferências. “Estamos pensando no futuro. Nas últimas janelas, tivemos interesses no Léo Santos e no Pedro Henrique. Temos que estar preparados para o futuro”, afirma o diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves.

Léo Santos chegou a despertar interesse do Sevilla durante a negociação corintiana por Guilherme Arana. Os espanhóis propuseram uma troca do lateral pelo zagueiro, mas o Alvinegro recusou. A aposta é que Léo venha a ser negociado por mais de 8 milhões de euros (cerca de R$ 34 milhões), que é o valor pedido em Arana. O Atlético de Madri também o sondou, mas as conversas não foram adiante porque a janela de transferências europeia fechou antes.

“O Bruno [Méndez] tem 19 anos, precisa ter um tempo de adaptação; estamos pensando no segundo semestre. O caso do Lucão é o mesmo, está voltando de lesão [operação no joelho no meio de 2018], não seria para jogar no momento. A ideia é estar pronto para possíveis perdas no meio do ano”, acrescenta o dirigente.

Com Bruno Méndez e Lucão, o Corinthians passará a ter sete zagueiros no elenco. Além de Léo Santos e Pedro Henrique, o técnico Fábio Carille tem à disposição Marllon e os atuais titulares Henrique e Manoel”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui