Valdemar Rodrigues Martins, o Oreco, completaria 87 anos nesta segunda-feira (13).?O jogador nasceu em Santa Maria-RS em 1932, onde jogou no time da cidade durante um ano, até chegar ao Internacional-RS. Por lá ficou cerca de oito anos, quando se transferiu ao Parque São Jorge, em 1957. O lateral esquerdo e também zagueiro disputou 409 jogos e fez três gols pelo Corinthians.

Durante oito anos, de 1957 a 1965, os corinthianos viram um lateral que, além de habilidoso, jogava com bravura e dignidade. No Alvinegro, apesar das grandes partidas e da convocação para a Copa do Mundo de 1958, Oreco não conquistou títulos, tendo participado ativamente, no entanto, da Taça dos Invictos em 1957.

Para muitos corinthianos, Oreco foi o maior lateral esquerdo brasileiro depois de Nilton Santos. De quem, aliás, ficou na reserva da Copa do Mundo de 1958, na Suécia. Tanto que, quando seu nome ficou de fora da lista de convocação do Mundial de 1962, nenhum corinthiano se conformou.

O ex-jogador faleceu em 3 de abril de 1985 aos 52 anos, vítima de infarto agudo do miocárdio, enquanto jogava uma partida de veteranos junto a amigos. Seu corpo foi velado na sede do Corinthians, no Parque São Jorge.

Fonte: Corinthians.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui