Luan pelo Corinthians
Pedro Souza / Agência Galo / Atlético

O óbvio aconteceu na Neo Química Arena. Desde o começo da semana, eu estava com o pensamento de que a única maneira do Corinthians ganhar do Atlético-MG era ficar na famosa retranca, e se aproveitar dos erros defensivos do adversário. Poderia ter feito isso, mas o elenco é tão medíocre que não conseguiu aproveitar a vantagem no placar.

E ainda saiu no lucro, porque houve um pênalti para o Atlético não marcado e logo depois saiu o gol do Corinthians em que Luan fez um belo lançamento para Ramiro que cruzou para Davó fazer o gol. O Corinthians no primeiro tempo parecia que estava jogando uma final de Copa do Mundo, a atitude dos jogadores foi boa, estavam marcando bem o adversário, mas não conseguiram explorar os contra-ataques com eficiência.

Mais lidas da semana:
+ 10 jogadores que iludiram a Fiel ao serem contratados pelo Corinthians.
+ Vídeo com lance bizarro do Corinthians repercute nas redes sociais.
+ Bolsonaro brinca com torcedor corinthiano e fala em ‘tomar’ a Arena.

A maior preocupação era se o Corinthians conseguiria segurar o clube mineiro, e não conseguiu. Os limitados jogadores corintianos cansaram e o time não tem um bom banco de reservas. O Atlético-MG virou o jogo sem fazer muito esforço. Pra tristeza de nós corintianos, o gol de empate veio de Guilherme Arana, após um belo passe de calcanhar de Eduardo Vargas.

Fico pensando, porque ao invés da diretoria fazer um enorme esforço pra trazer o Sidcley gordo, não fez esse esforço pra trazer a Arana? Mais uma para incompetente gestão corintiana. O gol da virada veio após uma falha gigante da zaga, o jogador atleticano estava completamente livre para mandar a bola para o gol, o sistema defensivo do Corinthians com Marllon de zagueiro é uma piada, mas o pior é que ele não estava fazendo uma má partida, mas jogadores medianos tem dessa, e pra piorar, o Gil não vive uma grande fase. Espero que o Jemerson readquira condicionamento físico pra ser titular o quanto antes.

O técnico Mancini fez alterações, mas nenhuma surtiu efeito, e a culpa não é dele, quando se tem um banco de reservas com jogadores que não agregam em nada. Eu pelo menos fico com um pouco de vergonha de cobrar o técnico.

Enfim, aconteceu o resultado óbvio, venceu o time que tem melhor elenco. O Atlético-MG é mais um time que vai na Neo Química Arena, e vence pela primeira vez, se continuar assim, outros vencerão pela primeira vez logo logo. O Corinthians atualmente não bota medo em ninguém, é um coadjuvante do futebol brasileiro. Um time horrível montado por uma gestão amadora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui