O Timão voltará a campo pela Copa Sul-Americana na próxima quinta-feira, pelas oitavas-de-final, na Arena Corinthians. O adversário da vez será o uruguaio Montevideo Wanderers. Porém, antes mesmo das batalhas dos jogadores em campo, outra ‘guerra’ está sendo travada na televisão brasileira: a de ter os direitos de transmitir o jogo.

A verdadeira detentora dos direitos de transmissão de todos os jogos da Copa Sul-Americana é a DAZN, empresa de streaming Inglesa, que está fazendo sua estreia no Brasil e na América do Sul. A emissora, se é que podemos chamar assim, possui um conceito considerado inovador de transmitir esportes.

A plataforma é como uma ‘Netflix dos esportes’, onde o assinante paga uma quantia por mês e tem o direito de assistir diversos eventos esportivos em qualquer meio digital, como notebook ou smartphone.

Por ainda ser desconhecida do grande público brasileiro e ser um meio diferente de transmissão, a DAZN fechou um acordo com a Rede Tv!, para que a emissora paulista pudesse retransmitir os jogos do Corinthians nas primeiras fases da competição. A parceria foi um sucesso e a televisão alcançou recordes de audiência.

Agora, porém, em uma fase mais aguda da copa, a plataforma de streaming não negociou mais com a Rede Tv! e o jogo do Timão será transmitido apenas pelo aplicativo ou site do DAZN. A divulgação desse ‘não acordo’ gerou muita repercussão na internet.

Foto: Daniel Augusto Jr.

A repercussão era esperada e questionamentos são naturais. O que me incomodou, foi o grande ataque à plataforma por parte de alguns torcedores e jornalistas, que acharam absurda e até desleal a exclusividade do DAZN na transmissão. Absurda mesmo, foram essas reclamações de pessoas que gostam de aparecer a partir de intrigas e ‘jogar para a torcida’.

A empresa inglesa está correta em exercer seu direito de exclusividade e não fez nada que não tivesse sido combinado com a televisão brasileira. Firmar uma parceria para os primeiros jogos foi uma estratégia de marketing. Muitos não perceberam, mas mesmo na transmissão da Rede Tv!, o narrador, o comentarista e a logo que apareciam eram todos do DAZN. Além disso, propagandas da plataforma eram realizadas constantemente.

Estava claro que a nova emissora queria fazer propaganda e mostrar o seu produto para o público. Nesse período, inclusive, a plataforma ainda não estava em atividade e todos, TODOS, os jogos eram transmitidos de graça pelo Facebook. Para eles, não geraria perda de lucro transmitir de graça também pela televisão e ainda ‘ganhar’ uma grande publicidade.

Por outro lado, a Rede Tv! Não foi nenhuma vítima como agora querem parecer ser apenas para fazer média com a torcida corinthiana. A emissora sabia das intenções do DAZN e também se aproveitou delas. Ela transmitiu os jogos do maior clube do Brasil sem pagar nada por isso, em troca apenas da propaganda do DAZN. Me parece muito justo.

Agora que a plataforma entrou oficialmente no ar e as assinaturas podem ser realizadas, além de já ser conhecida do público, a empresa inglesa agiu dentro do seu planejamento de começar a lucrar, como qualquer outra empresa de qualquer ramo faz. Isso é natural. Não existe motivo algum para revolta.

Cabe lembrar também, que a plataforma não possui apenas a transmissão da Copa Sul-Americana. Campeonato Italiano das séries A e B, Copa da África, Campeonato Francês, Copa da Liga da França, campeonatos de tênis, boxe e automobilismo entre outras atrações. Tudo isso podendo ser acessado em qualquer lugar e, mesmo que já tenha acabado a transmissão ao vivo, você ainda pode assistir o evento gravado à qualquer momento.

Para encerrar, digo e reafirmo que concordo com o DAZN e sou totalmente favorável a esse tipo de inovação. Essa empresas é que trarão desenvolvimento para o nosso esporte e novos ‘privilégios’ para o telespectador. Não há motivos para chilique e reclamações. Que surjam novas plataformas e que o nosso Timão sempre seja campeão, independente de quem esteja transmitindo.

 

 

 

45 COMENTÁRIOS

  1. acho péssimo…assino canais a cabo e agora tenho que arcar com mais uma assinatura? no que depender de de mim esta DAZN não ganha um tostão…

    • Concordo plenamente! Considero um absurdo no aspecto telespectador a exclusividade do jogo. Isso faria com que uma grande minoria no pais e fora assista ao jogo e o Corinthians não é time de minoria e sim de uma imensa massa!

      Isso é horrível até mesmo para o Corinthians. O que adianta estar em uma competição continental e em fase decisiva (avançada) se a grande maioria dos torcedores não podem acompanhar o jogo? Lembrando que uma grande parte dos novos torcedores que vem se time ou tendência, escolhem torcer por um time quando os veem jogando bem e especialmente os veem jogando e ganhando competições importantes. Algo que por conta dessa exclusividade, não será possível!

      Logo, pelo ponto de vista de torcedor, sou extremamente contra!
      #AcordaCorinthians!!!!

    • Entendo seu ponto de vista, mas não vejo a hora d só ter dzns transmitindo por aí… Vai chegar uma transmissão 4k para nós brasileiros mais rápido do q se depender do cartel estatal das tvs

  2. Quanta bobagem no texto… O problema não é o direito da DAZN de querer exercer a exclusividade da plataforma. O problema está em exigir que os torcedores assinem um PREÇO EXORBITANTE por um serviço de MERDA (qualidade do sinal e transmissão são horrorosas) pra ver campeonatos de menor expressão… Eu não assino essa merda mas nem que me paguem. E ainda tiram do torcedor a opção de escolher de ver o jogo pela TV ou pela internet. Algo criminoso.

  3. Achei muito salgado o valor, 37 reais pra assistir só no celular ou tablet! Pq qdo vc espelha na TV ou por aqueles aparelhos de tvbox a imagem é horrível, não compensa.

  4. Quem escreveu esse texto tá sendo pago só pode kkk. É um absurdo pagar 40R$ pra ver SÓ o Corinthians na Sul-Americana. São 40R$ do DAZN (onde comentaristas e transmissão são ruins) e mais 60R$ do Premiere, que a menos tem uma qualidade razoável. A plataforma não é nada inovadora, só copiou os sites de aposta com diferencial de que tem comentarista na língua. Eu prefiro e RECOMENDO a todos pagar 5 dólares UMA VEZ em um site de Aposta qualquer ai e ver sem delay nenhum ou coisa de 3s, qualquer campeonato, qualquer divisão e qualquer esporte. Além disso, é só deixar sem som a transmissão do site e ouvir alguma Rádio por cima, tipo a Jovem Pan ou a Rádio Timão mesmo no YouTube.

  5. Com todo respeito a opinião do autor. Mas acho um absurdo tudo isso… É muito facil dizer que as plataformas e a nova maneira ver futebol é uma evolução. Ainda chamar de “chilique” as reclamações, kkkk acho um absurdo.
    Estão limitando o acesso ao futebol. Me diz uma coisa: quem não tem condições de pagar a mensalidade do DAZN (aprox R$40)? Não assiste SulAmericana?
    Quem não tem dinheiro para pagar Premier (aprox R$80)? Fica sem ver a maioria dos jogos do brasileiro?
    Eai amigo? Evolução só para quem tem dinheiro, né?. Mas para uma grande parte da população, que luta para conquistar cada centavo, fica sem assistir futebol pq não tem grana para pagar as plataformas…
    Na minha visão, isso é uma evolução doentia…

  6. Embora eu ainda não tenha assinado, acho fantástico ter esse opção… É uma questão de tempo e todos farão isso, TV é um modelo de mídia fadada ao fim… Se assina TV à cabo e vc vê um monte de jogo que não te interessa e passa mais propaganda que TV aberta. Que venham os streamings que eu possa escolher qual jogo quero ver e não ser obrigado a ver o grafite e Ana Thais matos falando asneiras e eu pagando para isso.

  7. sempre assisti os jogos do italiano do frances espanhol e a copa sul americana agora vem esse canal e perdemos essas transmissões e não descontaram nada da nossa assinatura engolimos o preju essas leis no Brasil que não defendem o consumidor os pacotes de esportes deveriam das um desconto por ter nos privado desses campeonatos espero que os poderes competentes tome uma providencia para preservar o direito dos canais fechados que alias e uma vergonha entucharam anuncios em nossa goela quando pagamos para assistir
    eventos sem propaganda lamentavel que no Brasil o publico não e respeitado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui