Boselli
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Há 41 dias do fim da temporada de 2020, o Corinthians tem quatro jogadores sob avaliação do técnico Vagner Mancini para saber se avança em negociação de extensão de contrato ou libera de graça para reforçar algum rival da Série A do Brasileirão.

Nos últimos dias, a diretoria alvinegra já tratou de liberar o volante Jean, contratado junto ao Paraná Clube em 2016, para se transferir ao futebol português, renovou com o goleiro Caíque França, emprestado ao Oeste, e comunicou ao Dínamo de Kiev, da Ucrânia, que não irá efetuar a compra de Sidcley.

Assim, o SccpOnLine levou a lista dos 98 atletas sob contrato com o Timão e lista quatro nomes que possuem vínculo com o Corinthians apenas até o fim do ano e que podem sair de graça. Dos citados abaixo, apenas Boselli faz parte atualmente do elenco corintiano.

Mais lidas da semana:
+ Quanto o Timão deixou de faturar com Libertadores e Copa do Brasil
+ Pandemia faz patrocinadora romper contrato com o Corinthians; Timão receberá por rescisão
+ Matheus Davó, atacante do Corinthians, presenteia sua mãe com um carro

Renê Júnior

O volante tinha contrato de empréstimo com o Coritiba até o fim de dezembro, porém, no fim de agosto, o clube paranaense o devolveu ao Timão, que tem 100% dos direitos econômicos.

Renê Júnior
Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Boselli

É o nome mais conhecido de todos. O vínculo do argentino termina no fim de dezembro e ainda não há definição sobre renovação. O Timão é dono dos 100% dos direitos econômicos. O artilheiro na temporada 2020 perdeu a titularidade para Jô na retomada dos jogos de futebol.

Carlinhos

O artilheiro da Copinha de 2017 assinou em julho o contrato de empréstimo com o Atibaia até o fim do ano, período que coincide com o fim do vínculo com o Corinthians. O alvinegro do Parque São Jorge é dono de 50% dos direitos econômicos.

Luidy

Sem nenhuma partida entre os profissionais do Corinthians, o atacante acumulou série de empréstimos por Figueirense, Ceará, São Bento, Londrina e CRB, onde tem contrato até o fim de novembro. O Timão tem 70% dos direitos econômicos.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui