Fora dos planos do técnico Vagner Mancini para a temporada de 2021, Fabrício Oya foi liberado pelo Corinthians para viajar à Europa para negociar transferência a um novo clube para tentar se firmar no futebol profissional. É o que informa o Meu Timão.

O atleta de 21 anos tem ofertas de duas equipes, mas o destino deve ser o FC Torpedo Zhodino, da primeira divisão da Bielorrússia, no Leste Europeu, onde ele estará neste fim de semana para discutir o contrato e fazer exames médicos.

Oya tem contrato até o fim de 2021, 70% dos direitos econômicos ligados ao Corinthians e multa rescisória de R$ 180 milhões. De acordo com a publicação, o Timão espera receber uma compensação financeira para liberação de imediata ou cogita manter percentual dos direitos do meia para lucrar numa eventual venda futura.

Leia mais:
Corinthians informa mais dois casos de Covid-19 e chega a 12 jogadores afastados
Emprestado ao Cuiabá, Jonathan Cafú evita falar sobre saída do Corinthians
Abel diz ainda não acreditar em defesa de Cássio em cabeçada de Edenilson: “Negócio mirabolante”

Cria das categorias de base alvinegra, Fabrício Oya chegou a ser comparado com Sócrates entre os anos de 2015 e 2017 e esteve na mira de Liverpool e Manchester City, da Inglaterra, e Atlético de Madrid, da Espanha. Ao todo, o meio-campista conquistou 11 títulos em três anos na base alvinegra.

Fabrício Olya, porém, não teve o mesmo sucesso da base quando foi promovido ao elenco profissional e passou a rodar clubes de menor expressão para tentar jogar.  Após disputar apenas um jogo como profissional do Timão, no Paulista de 2019, passou a rodar o estado de São Paulo emprestado o São Bento e ao Oeste.

2 COMENTÁRIOS

  1. 1… UM JOGO, e os grandes entendidos acham que o cara não vinga. Aí vão atrás de um monte de PÉ DE RATO pra fazer média co. empresários credores, que chegam com vaga de titular, ganhando salário bom e contrato longo e quando vão embora, ainda metem no pau, COM RAZÃO, e levam mais uma bolada. É prácábá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui