Corinthians se irrita com postura do Sevilla na negociação envolvendo o Guilherme Arana


Foto: Reprodução

A novela envolvendo Corinthians e Guilherme Arana parece mesmo estar chegando ao fim. Após meses de negociação, o clube alvinegro se demonstrou muito frustrado com a forma em que o Sevilla tratou essa negociação.

Com o Danilo Avelar no final do contrato de empréstimo, e com o Carlos Augusto ainda não preparado, o Corinthians está desesperado atrás de um lateral esquerdo para poder fechar o elenco. É a bola da vez foi o Guilherme Arana, onde o Timão chegou a oferecer até R$ 34 milhões pela sua contratação.

O diretor de futebol do Corinthians, Duílio, viajou até a Espanha para concretizar a contratação, mas acabou voltando de mãos abanando e falou pela primeira vez, após o empate entre 0x0 no clássico.

"Eles queriam um valor maior e uma parte maior à vista. Estávamos no limite dos valores e da forma de pagamento das parcelas", avisou o dirigente.

"Os valores pedidos e a forma de pagamento seria de nossa parte uma irresponsabilidade. Fiz a viagem porque a gente tem que tentar pessoalmente, como as conversas não andavam por telefone há muito tempo, tinha a obrigação de ir lá, mostrar o que poderia ser feito. Mas trato como irresponsabilidade, dessa forma a gente não teria como cumprir e estaria prejudicando o clube", completou.

Duílio reafirma que o Sevilla nunca esteve interessado em vender o Guilherme Arana, pela postura que tratou essa negociação.

Postar um comentário

0 Comentários